sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

Brechó, o elo amigo



Por Celson Lima* e Selma Quintão




>> Com o advento da globalização e o fenômeno da internet, o salto do conhecimento foi muito grande. Porém, entre um passado não muito distante da atualidade, abriu-se um “buraco negro”, ou seja, nossos jovens pularam muitas etapas práticas e acumularam conhecimentos conceituais.

No entanto, temos alguns instrumentos capazes de unir certos pontos de contato entre o conceito e a realidade, pois o lego que os liga está pulverizado na âmbito da sociedade. Dentre esses, encontra-se o brechó, que a partir da sua cultura de liberdade, proporciona ao indivíduo condições de posicionar-se em face dos valores instituídos.

Durante muito tempo o brechó carregou uma certa repulsa por parte de pessoas que vivem em um mundo infantil e foram mantidas em estado de ignorância e que por isso mesmo, não conseguem romper a barreira que une seus elos preconceituosos. Não nos preocupemos, porém, com esses seres menores.

Quando observamos os acontecimentos que nos circundam, com uma atitude endereçada a obter uma compreensão clara, observamos que a ligação do conceito à imagem é uma condição clássica para preservar os elos das normas sociais.

De uma maneira comparativa, podemos observar que quando seu querer se aproxima das tendências, e também que suas atitudes desmentem seu querer, devemos dar atenção à vontade. Conhecer e querer são dois modos fundamentais de uma pessoa. Porém, a vontade pode leva-la à escolha.

A tendência de moda, na realidade, é um bem que não deve vigorar como fundamental . No entanto, a sua escolha é a afirmação de seu valor e sua faculdade espiritual revela seus elos intelectuais.

O brechó é um lugar legal, não deixe que ideias mal concebidas venham interferir no seu impulso irrefletido. Vá lá, entre, seja você mesmo. Uma pessoa jamais é grosseira se ajusta seu estilo, fala e comportamento às suas necessidades.

*Celson (51) é formado em filosofia pela Universidade Federal do Amazonas (UFAM). Trocou a vida acadêmica pelo comércio ao instalar um megabrechó em Governador Valadares, MG. Selma (47), sua irmã, é empresária de idêntico ramo na mesma cidade.
.

Voe fácil com a Gol Linhas Aéreas Inteligentes. Peça o seu cartão e facilite suas viagens parcelando tudo em até 36 vezes