terça-feira, 8 de setembro de 2015

Raiva e preconceito contra demitidos pelo jornal "O Globo"


Por Cláudio Moura*
facebook/claudio.carvalhodemoura


>> O texto do jornalista Marcelo Migliaccio no site Conexão Jornalismo sobre as recentes demissões no jornal O Globo é carregado de ódio, de preconceito e de falta informação sobre os bastidores do diário carioca.

Ele critica sem base alguma os funcionários demitidos e atribui aos mesmos a responsabilidade pelas demissões que, independentemente dos perfis absolutamente distintos de cada um, é de responsabilidade da direção do jornal. É bom lembrar ao Marcelo que trabalhador não faz lista de demissões de funcionários.

A generalização que o jornalista faz, em relação aos demitidos é rasa, ambígua, preconceituosa e sem conteúdo. Uma análise feita com o fígado, o que muita gente no Brasil faz com maestria, em especial os mais letrados.

Triste observar que um profissional de imprensa faça ilações sobre a linha editorial do jornal com o comportamento do grupo de jornalistas demitidos, como se os mesmos estivessem inseridos em questões políticas de fundo na redação.

Jornalistas, não sua maioria, são trabalhadores como todos os das demais profissões. Se existe jornalista nariz em pé, marrento, que dá carteirada e que se acha acima do bem e do mal, digo igualmente que há profissionais com essas características em todos os ofícios.

Marcelo Migliaccio: não aponte o dedo para os seus colegas! É muito fácil comentar vendo de fora, não? A demissão é sempre algo muito sofrido para a maioria das pessoas. Procure prestar solidariedade a eles. Quantas pessoas estão sofrendo por ter perdido seus empregos, quando trabalhavam honestamente?

Mais um texto, dentre os muitos que li sobre as demissões no Globo, que criminaliza os jornalistas como os principais culpados pelo ocorrido. E o pior: escrito por um jornalista. Fogo "amigo" total!

*Cláudio Carvalho de Moura, radialista e militante do PCB. Trabalha há mais e vinte anos no Sistema Globo de Rádio. Atualmente é um dos principais titulares na sonoplastia a Rádio CBN/Rio.
.